Sintomas (ou lá vamos nós outra vez)

Publicado em Sex 02/15/08 como Delírios

Reflexão seguida de pedido de desculpas, sendo que normalmente eu seria intransigente sobre o que aconteceu. Babado Novo e Ivete Sangalo mudaram na minha classificação pessoal, que antes era música ruim, para algo muito legal simplesmente porque ativam determinadas memórias. Volta e meia me vejo “revisando” o meu álbum de fotos no Flickr e/ou navegando em sites de medicina especializados em ortopedia ou cibernética. E a gota, nenhuma guria parece ser bonita ou interessante o suficiente para me chamar atenção.

É! Estes sintomas só podem indicar uma única coisa, estou apaixonado de novo.

E como não poderia ser diferente, foi inesperado e somos quase que completamente diferentes, embora ela possua todas as qualidades e defeitos que eu tanto gosto. E o clássico, não é correspondido, na verdade é pior, eu fui muito rude quando nos conhecemos.

Pensei em cercá-la como bom lobo que sou, mas agora acredito que o melhor a fazer é me desconectar. Paixão é assim, começa rápido e acaba de uma hora para outra… Com humanos pelo menos é assim.

Porque eu tinha que oferecer ajuda para a Raquel?!

Atualização: Não sei se sou eu que estou ficando menos sensível ou mais volúvel, o fato é que passou, e bem rápido.


Concordas?

# Lizi escrito em Ter 02/26/08 às 11.50 :

Saltanto de link em link cheguei à matilha, por aqui fiquei. Estou realmente fascinada com suas idéias, muito provavelmente pela identificação imediata. Acho que ganhou uma visitante assídua.
Quanto à paixão…
(Paixão: do Lat. passione, sofrimento, sentimento excessivo; amor ardente; afeto violento; entusiasmo; cólera; grande mágoa; vício dominador; alucinação; sofrimento intenso e prolongado; parcialidade)
……ainda bem que dá e passa!

# Lythari escrito em Qua 02/27/08 às 02.54 :

Muito obrigado! Espero não te desapontar nos futuros textos.

Quanto a paixão, espero que a sua nunca acabe ;-)

# Luciano escrito em Sáb 03/01/08 às 11.39 :

hm…

paixões são sempre interessantes… acho q deixar de alimentar e possivelmente de sofrer ela será mais uma coisa q tu deixou de viver por alguma razao momentanea… =)

# Leila escrito em Dom 03/23/08 às 12.39 :

Gostei do seu site, Wagner. Ainda bem que amor de Carnaval passa tão rápido que você nunca mais precisará recordar da música do Babado Novo (nem sei que banda é essa, mas pelo nome não deve ser boa coisa). A Ivete também não faz o meu gênero, mas pelo que eu sei ela é meio onipresente e inevitável no Brasil hoje. : )

Fechado para comentários

comentários desativados para este artigo