Rock Star

Publicado em Sáb 11/11/06 como Cotidiano

Arrogantes, desordeiros, imprevisíveis, temperamentais, inconstantes, incontroláveis e acima de tudo, muito talentosos. Assim são os astros do rock! Hoje, estou me sentindo como um verdadeiro Rock Star.

A minha vida profissional sempre foi muito conturbada. Embora eu geralmente conquistasse o respeito dos meus colegas e um certo reconhecimento dos meus superiores, sempre fui um contestador. Talvez eu tenha algum tipo de “espírito revolucionário” ou talvez eu não passe de um desajustado, porém não posso negar que sempre deixei uma marca bem forte em todos os lugares pelos quais eu já trabalhei. E não é diferente agora.

E como muitos Rock stars que sentem que precisam de mais espaço, e acabam largando suas bandas e zarpando para uma carreira solo, acredito que chegou a minha vez de brilhar sozinho. Eu poderia usar como desculpa os meus desentendimentos com a diretoria do lugar onde trabalho, ou até a antipatia que alguns colegas têm por mim, mas na verdade é que eu sei… Eu sinto que posso seguir sozinho e que vou vencer pelos meus próprios méritos.

Se eu continuar trabalhando onde trabalho, vou acabar fazendo aquelas exigências absurdas que todo Rock Star faz, o que vai acabar pegando muito mal.

Sinto-me como um filhote de tartaruga sentindo o chamado para o mar. Esta na hora de ser verdadeiramente livre, em todos os sentidos.

Não vai ser moleza…


Fechado para comentários

comentários desativados para este artigo