Onde está o PCC quando se precisa dele?

Publicado em Sáb 12/16/06 como Opinião

Há alguns meses atrás a organização criminosa conhecida como PCC chamou a atenção do governo e da sociedade ao promover o caos em diversas capitais do país, em uma ação coordenada que confundiu as polícias militar, civil e federal. O motivo deste ataque foi puramente egoísta, uma espécie de “protesto” contra as transferências de presídio de alguns dos maiores criminosos do Brasil, todos do PCC.

Confesso que sou um tanto alienado, chego a ficar semanas sem ler um jornal ou a assistir algum noticiário. Ontem, quando eu resolvi ligar a TV para saber como estavam as coisas no mundo, fico chocado ao saber que os nossos deputados federais, da mesma turma do mensalão, máfia das ambulâncias, entre outras sujeiras, resolveram fechar com chave de ouro os seus mandatos, aumentando em 92% os seus salários, o que somando todos os seus benefícios e auxílios, dá algo em torno de R$ 100.000,00 (CEM MIL REAIS)!

O que mais me indignou foi saber que apenas quatro deputados votaram contra, todos eles do polêmico PSOL da Senadora Heloísa Helena. Ou seja, o candidato em que eu votei, que estava concorrendo e venceu a um segundo mandato consecutivo, o jovem Beto Albuquerque do PSB-RS, votou a favor deste absurdo, sendo que ele sempre bancou o certinho e ético.

Imagino que ano que vem não vá ter mais mensalão, devido a fiscalização que os meios de comunicação vão fazer, eles precisam compensar a falta desta teta deste dinheiro com um reajuste que do ponto de vista deles é “justo”.

Com coisas assim acontecendo, de revoltar até mesmo os mortos, eu me pergunto, onde estão líderes do PCC que fazem muito barulho por nada? Porque eles não promovem um protesto caótico como o anterior, mas desta vez para expressar a sua revolta frente a uma barbaridade destas? Ah, claro, o sindicado não permite este tipo de acusação entre colegas, é anti-ético!

Precisamos importar mais argentinos para o Brasil, pois se eles derrubaram governos apenas batendo panelas, o que eles não fariam com umas AK-47 em suas mãos.

Definitivamente somos um país de cordeirinhos, acredito que todos deram pouca atenção a esta notícia, afinal, todos estão preocupados em confeccionar suas fantasias de palhaços para o carnaval.


Fechado para comentários

comentários desativados para este artigo